Introdução ao conceito de RPA

Robotização, força de trabalho digital e aonde conseguimos chegar com outras tecnologias que agregam valor ao nosso robô, são alguns dos temas abordados em nossa série de 6 vídeos que serão lançados sobre o tema RPA (Robotic Process Automation).

Esta série foi desenvolvida a partir do evento Roadshow – Além do RPA! Atingindo a eficiência exponencial com o uso de trabalhadores digitais cognitivos, criado e organizado pela iProcess, que passou por diversas cidades do país demonstrando os principais desafios e benefícios da tecnologia RPA (Robotic Process Automation).

Neste primeiro vídeo apresentamos o conceito de RPA, avaliando dois tópicos fundamentais que ajudam a identificar os diversos benefícios da implementação do RPA em uma atividade:

  • Tempo em Atividades Braçais  X  Valor Agregado para os Resultados da Empresa.

Também abordamos a importância em saber quais são as atividades candidatas à robotização e o que os robôs podem fazer em relação a uma pessoa.

E veja na prática, como funciona um processo de recebimento de nota fiscal para entender o que é possível alcançar com a tecnologia RPA.

Se você ainda não se cadastrou em nosso mailing, aproveite e clique nesse link http://blog.iprocess.com.br/assine/ e receba em primeira mão os próximos vídeos desta série.

Como escolher o primeiro processo de robotização?

E a nossa série de vídeos no canal do YouTube da iProcess continua!

E para você não perder nenhuma novidade, acesse o canal YouTube iProcess, inscreva-se e ative as notificações.

No vídeo anterior, realizamos o webinar: O que é um CoE RPA e porque muito em breve você vai precisar de um. Nele mostramos a necessidade de termos definições claras de governança e quais os principais processos e padrões que a sua empresa precisa estabelecer para viabilizar o crescimento das suas iniciativas de robotização.

Mas caso você esteja iniciando nesta jornada de robotização em sua empresa, a primeira pergunta que você deve fazer é:

Qual processo eu devo escolher para robotizar?

Neste vídeo vamos te ajudar a escolher os processos ideias para liderarem as iniciativas das primeiras robotizações.

Gostou deste vídeo?

Esta e outras discussões sobre a adoção da força de trabalho digital são parte do curso RPA do Planejamento à Gestão: Como implantar uma força de trabalho digital, da iProcess Education.

Confira as próximas turmas e inscreva-se!

E não esqueça de se cadastrar no mailing do blog para receber todas as novidade.

Robô não é gente: Diretrizes para modelagem de processos robóticos – Parte 2

Além de nossos artigos postados aqui no Blog da iProcess também continuamos com a nossa nova série de vídeos no Canal do YouTube.

No vídeo anterior – Robô não é gente: Diretrizes para modelagem de processos robóticos – Parte 1, vimos:

  • Quais são as principais diferenças em tarefas realizadas por robôs e pessoas;
  • Quais exceções precisam ser tratadas;
  • As possíveis oportunidades de erros na automação;
  • Super robôs;
  • Método ágil na implementação de novos robôs;
  • O processo perfeito x A primeira versão.

E agora nesta continuação vamos falar sobre 4 características importantes que temos que levar em consideração quando projetamos a automação de uma nova tarefa.

Aproveite o vídeo abaixo e deixe suas dúvidas nos comentários.